Terça, 02 de Junho de 2020 13:11
066 99679-8308
Dólar comercial R$ 5,23 -2.89%
Euro R$ 5,85 -2.19%
Peso Argentino R$ 0,08 -2.81%
Bitcoin R$ 52.367,3 -2.331%
Bovespa 90.443,05 pontos +2.06%
Cidades Coronavírus

IFMT propõe criação de um laboratório em Sorriso para detecção do novo coronavírus

Amor à ciência, empatia e solidariedade.

19/05/2020 12h58
Por: Redação Fonte: Por: Nádia Mastella
Nádia Mastella
Nádia Mastella

Amor à ciência, empatia e solidariedade. Estas três palavras nortearam o encontro promovido na manhã de hoje (19), na Prefeitura de Sorriso, entre o prefeito do município, Ari Lafin; o secretário de Saúde Saneamento, Luís Fábio Marchioro e o diretor geral do IFMT – campus Sorriso, Claudir Von Dentz.

Em pauta, a oferta de mão-de-obra especializada para a realização de análises de exames de Covid- 19. “Temos em nosso quadro de servidores uma professora que é pesquisadora e tem doutorado nesta área, trabalha com análises de vírus, está habilitada e disposta a contribuir”, comenta Von Dentz, complementando que já havia protocolado a proposta e hoje foi um momento para avançar na avaliação da viabilidade de investimento em uma estrutura laboratorial para a realização destes exames.

Atualmente, Sorriso registra 59 casos confirmados da Covid 19, causada pelo novo coronavírus. Os primeiros dois casos no Município foram confirmados no dia 1.º de maio. Dentro destas 59 confirmações, 14 pessoas já estão curadas, cinco seguem internadas em hospitais (sendo três em UTIs) e as demais estão sendo acompanhadas em casa. Além do acompanhamento feito aos pacientes confirmados com a Covid 19, equipes da Secretaria Municipal de Saúde e Saneamento também monitoram outros 277 pacientes com sintomas gripais fortes, bem como suas famílias.

Para o secretário de Saúde e Saneamento, Luís Fábio Marchioro, toda a proposta de união é especialmente importante neste momento. “Agradeço imensamente o IFMT por nos trazer esta proposta, é muito bom poder contar com este tipo de apoio neste momento que a saúde pública tanto precisa”.

Além de pessoal qualificado em química, bioquímica, biologia e biologia molecular, o IFMT também tem à disposição a área para edificar o espaço, que deve ser isolado das demais repartições do prédio do IFMT. À Prefeitura, caberia então a edificação do laboratório e a aquisição de equipamentos específicos. “Consideramos extremamente importante esta reunião de hoje e recebemos com muita gratidão esta disponibilidade do IFMT contribuir neste momento, por isso, vamos analisar com muito carinho esta proposta”, afirma o prefeito.

Com aulas suspensas por conta da pandemia, o IFMT, além de envidar esforços para contribuir na detecção de mais casos da doença, também lançou dois editais para fornecer auxílios emergenciais para seus alunos para aquisição de alimentos e também de internet, viabilizando assim a participação dos alunos em plataformas de educação on line. 

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.