Quinta, 15 de Abril de 2021 22:16
066 99679-8308
Economia Economia

Veja como economizar montando o cardápio com alimentos da época

Confira dicas de frutas, legumes e verduras da safra atual e os preços médios na Ceagesp. Nutricionista dá exemplo de refeição

07/03/2021 01h10
Por: Redação Fonte: R7 - Sheila Pinheiro Correa, do R7 *
Gaste menos na feira mantendo a qualidade das refeições - (Foto: Flávia Fagundes Britto/Flickr/Divulgação - 04.03.2021)
Gaste menos na feira mantendo a qualidade das refeições - (Foto: Flávia Fagundes Britto/Flickr/Divulgação - 04.03.2021)

Consumir alimentos saudáveis promove benefícios não apenas para a saúde, mas também para o bolso, principalmente em época de pandemia, momento em que a alta de preços pressiona as finanças das famílias.

Leia também: Combustíveis guiam alta de 0,48% da prévia da inflação em fevereiro

Uma boa forma de economizar é optar por compor o prato com produtos diversificados, os quais podem ser encontrados na feira livre, hortifrutis e atacados, como a Ceagesp (Companhia de Entrepostos e Armazéns Gerais de São Paulo). 

Leia mais: Compra por impulso pode levar ao endividamento. Veja como evitar

Conforme a nutricionista Adriana Stavro, o grande erro no planejamento das refeições é optar apenas pela escolha do que quer comer, e não pelos alimentos típicos da estação vigente. Criar o hábito de eleger um cardápio com frutas, verduras e legumes da época é o primeiro passo para conciliar uma boa nutrição e economia na feira.

 

 

Exemplo de refeição elaborado pela nutricionista Adriana Stavro
Lista dos produtos desta época
Lista dos produtos desta época - (Foto: Sheila Pinheiro / R7 - 04.03.2021)

 

 

Café da manhã: banana nanica assada com canela

Almoço:  abobrinha recheada com ricota assada ao forno, acompanhada de salada com molho de limão (alface, rúcula, pepino e tomate)
Opção 2 - legumes assados com ervas frescas e azeite: abóbora, abobrinha, cará, chuchu. Sirva com frango grelhado.
Sobremesa: 1 fatia de abacaxi
Jantar: Creme de abóbora ou creme de tomate

Obs. use limão para temperar a salada. Aproveite o alho poró para refogar as preparações. 

"As refeições não precisam ser precisas, mas tenha uma ideia geral do que se pode comprar no mercado e use isso como base para o planejamento da semana", explica Adriana.

Confira as frutas, legumes e verduras da estação em março e o preço médio no atacado na Ceagesp (Companhia de Entrepostos e Armazéns Gerais de São Paulo)*

Legumes

Abóbora - de R$ 1,37 a R$ 1,94  a unidade (japonesa, moranga, paulista ou seca);
Abobrinha - de 1,89 (o quilo do tipo extra) a R$ 2,67  (o quilo do tipo extra AA);
Berinjela - de R$ 1,57 (o quilo do tipo extra) a R$ 5,56 (o quilo do tipo japonesa extra);
Beterraba - de R$ 2,00 (o quilo do tipo extra) a R$ 3,26 (o quilo do tipo extra AA);
Cará - de R$ 2,64 (o quilo do tipo extra) a R$ 3,38 (o quilo do tipo extra A)
Chuchu - de R$ 1,35 (o quilo do tipo extra) a  R$ 1,97 (o quilo do tipo extra AA);
Jiló - de R$ 2,25 (o quilo do tipo extra) a R$ 3,32 (o quilo do tipo extra AA);
Pepino - de R$ 1,11 (o quilo do tipo comum) a R$ 3,19 (o quilo do tipo japonês extra AA);
Quiabo - de R$ 2,78 (o quilo do tipo extra A) a R$ 3,88 (o quilo do tipo extra AA)
Tomate - R$ 7,87 o quilo

Verduras

Acelga -  R$ 19,67 (a dúzia ou maço do tipo primeira) a R$ 15,18 dúzia ou maço do tipo extra)
Alface - de R$ 14,37 (10 kg do engradado do tipo americana)  a R$ 26,02 (4 kg do engradado do tipo crespa)
Alho-poró - de R$ 12,58 (a dúzia ou maço do tipo primeira) a R$ 18,42 (a dúzia ou maço do tipo tipo extra)
Coentro - de R$ 46,1 (a dúzia ou maço do tipo especial) a R$ 59,76 (a dúzia ou maço do tipo extra);
Escarola -  de R$ 26,15 (8 kg do engradado do tipo extra) a R$ 17,79 (8 kg do engradado do tipo primeira)
Repolho - de R$ 20,92 (25 kg do engradado do tipo liso)  a R$ 41,23  (25kg do engradado do tipo roxo)
Rúcula - R$ 27,03 (5 kg do engradado tipo hidropônica)

Frutas

Abacate- de R$ 16,18 (quilo do tipo A) a R$ 2,15 (quilo do tipo B)
Abacaxi- de R$ 6,42 (2,2 kg o tipo A graúdo) a R$ 6,18 (1,8 kg do tipo pérola)
Ameixa- R$ 9,94 do tipo estrangeira da Argentina ou Chile
Banana-maçã- R$ 6,13 por quilo
Banana-nanica- R$ 2,73 (por quilo)
Goiaba- de R$ 5,10 (12 frutos do tipo branca) a R$ 4,55 (15 frutos do tipo vermelha)
Jaca- R$ 2,68 (por quilo)
Limão- de R$  2,17 a R$ 3,36 (o quilo do tipo taiti)
Maçã- de R$ 5,22  (o quilo do tipo gala) R$ 5,95 a (o quilo do tipo fuji)
Pêra-  de R$ 5,60 (o quilo do tipo pac’s triumph) a R$ 9,09 (o quilo do tipo estrangeira, chilena)

*O R7 Economize fez a pesquisa em 3 de março

Cuide do seu dinheiro

O economista André Braz, da FGV (Fundação Getúlio Vargas), explica que os cuidados no orçamento doméstico ganharam ainda mais importância, principalmente neste período em que o país vive uma queda na atividade econômica.

"É necessário envolver a família inteira no planejamento financeiro do lar. Todos devem ter o compromisso de economizar", alerta. "Cuidar do orçamento agora, ou para gastar menos diante de uma renda bem restrita ou para economizar um pouco já prevendo alguma adversidade no futuro, é uma estratégia que as famílias devem adotar sempre."

Veja outras dicas do economista para estabelecer uma rotina de economia doméstica

1 - Faça uma lista antes de sair para o supermercado, tomando cuidado para que ela seja aderente à dispensa. Isso ajuda a não comprar mais do que se precisa.

2 - Fique atento a produtos necessários para a casa que estão em oferta

3 - Apague as luzes de cômodos que não estão sendo usados

4 - Reduza o tempo dos banhos

5 - Diminua o uso do ar-condicionado

6 - Aproveite as frutas da estação disponíveis na feira. São produtos abundantes, de boa qualidade, que vão durar mais e serão adquiridos por um valor mais em conta

Comece agora

Outra dica do economista a curto prazo é aproveitar o período da Páscoa. "Estamos prestes a entrar no período da Páscoa e muitas famílias renunciam à carne vermelha. Há grande procura por peixe, ovos e vinhos pelo menos até a Semana Santa. Para estar preparado e evitar gastos, é preferível comprar estes itens com antecedência", afirma.

*Estagiária do R7, sob supervisão de Márcia Rodrigues e Ulisses de Oliveira

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.