Segunda, 06 de Dezembro de 2021
23°

Pancada de chuva

Sorriso - MT

Educação Mato Grosso

Alunos da Escola Estadual Malik Didier visitam museus e parques para reforçar aprendizagem sobre fotografia

Eles conheceram o Museu de Arte Sacra, o Museu de História Natural e fizeram um passeio pelo Parque Mãe Bonifácia

18/11/2021 às 15h05
Por: Redação Fonte: Secom Mato Grosso
Compartilhe:
A foto da estátua da mãe Bonifácia dentro do parque foi elogiada por alunos e professores - Foto por: Divulgação
A foto da estátua da mãe Bonifácia dentro do parque foi elogiada por alunos e professores - Foto por: Divulgação

Cerca de 70 alunos do 7º, 8º e 9º ano do ensino fundamental da Escola Estadual Malik Didier Namer Zahafi, no bairro Pedra 90, em Cuiabá, participaram do Projeto “Sobre o olhar do aluno”. Eles conheceram o Museu de Arte Sacra, o Museu de História Natural e fizeram um passeio pelo Parque Mãe Bonifácia, em Cuiabá. Os participantes fizeram registro fotográfico que possibilitou informações do ponto de vista histórico, econômico, social e cultural e, com isso, desenvolver o olhar crítico do aluno.

As melhores fotos foram selecionadas e ficaram em exposição na entrada da unidade escolar para a visitação dos demais colegas dando visibilidade ao trabalho dos participantes do projeto. A vencedora do matutino foi a aluna Ana Beatriz, do 9º ano, e da tarde, a aluna Maria Victória, do 7º ano.

“Tivemos os estudos sobre a fotografia, os diálogos a aula de campo onde os alunos puderam colocar em prática tudo que foi trabalhado. Então, fotografaram tudo o que puderam. No encerramento do projeto relataram suas experiências. Muitos deles ficaram encantados em conhecer um museu”, destacou o professor de geografia Paulo Augusto Muller Leal, que desenvolveu o projeto em parceria com a colega de História Maria Auxiliadora Barros Dias.

Entre os alunos empolgados com o projeto está a aluna Karryla da Silva que ainda não conhecia um museu. A impressão que tinha foi totalmente mudada, achou tudo muito interessante e seu olhar tinha realmente mudado.

A sua colega Isabela disse que as aulas de campo poderiam acontecer sempre, pois estava se sentindo motivada. “Esse tipo de aula, em que colocamos em prática o que aprendemos em sala, mudou tudo o que a gente pensava. Isso que nos motiva”, disse.

O mesmo entendimento teve a aluna Emily que se sentiu valorizada e com a sensação do dever cumprido ao colocar em prática a teoria que aprendeu.

Segundo a professora Maria Auxiliadora, a exposição das fotografias trouxe para os alunos um sentimento de valorização do seu trabalho e seus estudos. Todas as outras contribuições foram positivas pois foi possível perceber grandes avanços até mesmo dos alunos mais tímidos.

A professora acrescenta que havia uma grande expectativa sobre o projeto e ao concretizá-lo foi além do esperado, pois os alunos começaram tímidos, mas a cada conversa eles foram se envolvendo, interagindo com outros, já os professores mesclaram as turmas.

“A aula de campo foi algo que nos preencheu de muita motivação porque os alunos conheceram o Parque Mãe Bonifácia e curtiram a paisagem, o local, o meio ambiente. Em relação ao museu foi algo extraordinário porque muitos não tinham visitado, não conhecia, tinham uma ideia errada do que era um museu”, ressaltou.

Conforme a professora, para os alunos isso transformou em algo positivo, pois puderam vivenciar na prática e tiraram as próprias conclusões. “Dessa forma o aprendizado se concretiza. A aula de campo teve um aspecto tão positivo que os alunos já queriam saber quando será a próxima”. 

Para o gestor da escola, Cristiano Rocha, o projeto atingiu seu objetivo de trazer outro olhar para os alunos, já que não foi preciso falar, suas experiências os levaram a essa conclusão.

“Fretamos um ônibus para que esses alunos vivenciassem a prática e também fizessem o registro. Foi um trabalho envolvendo várias disciplinas tendo como foco a aprendizagem do aluno”.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.